Concerto de Reis

7 Janeiro 2012

A Orquestra de Sopros da Universidade do Minho (Departamento de Música do Instituto de Letras e Ciências Humanas), dirigida por Vítor Matos, com o pianista Luís Pipa como solista, presenteou-nos ontem, dia 6 de janeiro, com um Concerto de Reis descontraído e divertido, que espero venha a instituir-se como mais uma tradição bracarense.

Foram obras de

– Leonard Bernstein: Candide (Overture) [vídeo]
– George Gershwin: Rhapsody in blue (com Luís Pipa ao Piano) (aqui uma outra excelente versão)

[com mais dois encores, “arrancados” pelo público (a mim doeram-me as mãos), de Luís Pipa (piano) e de Luís Pipa (piano) e Vítor Matos (clarinete)   (alguém pode ajudar com as referências?)]

ACTUALIZAÇÃO:

encore: Gershwin: Prelúdio nº 1 para piano;
encore: Gershwin: Canção “Oh Lady Be Good” (versão para clarinete e piano de Luís Pipa).

(obrigado, Luís Pipa)

– George Gershwin: Um Americano em Paris (vídeos 1,  2  e  3)

e a descoberta da noite (para mim):
– Oscar Navarro: Libertadores [aqui uma versão da Banda de Silleda (Galiza) que recolhe o site de AFUM]

A organização foi da responsabilidade da Associação de Funcionários da Universidade do Minho.

imagem: Departamento de Música (Instituto de Letras e Ciências Humanas, Universidade do Minho)

Advertisements
%d bloggers like this: