Ai!, Palestina

31 Maio 2010

“El Ejército israelí ha interceptado esta madrugada la flotilla de seis barcos con más de 750 personas a bordo, entre ellos al menos tres españoles, que transportaba ayuda humanitaria para Gaza”
El País:    Israel intercepta la flotilla de ayuda a Gaza y mata a al menos 10 activistas propalestinos

Ai Palestina
Calam-se as vozes
Dos teus avós
Ai Palestina
Se outros calam
Cantemos nós

De los nuevos bahianos a los dulces bárbaros (Cuando los elefantes sueñan con la música)

“Em 1972 Os Novos Baianos (Moraes Moreira, Galvão, Baby Consuelo, Pepeu Gomes, Dadi…) gravaram o histórico disco ‘Acabou chorare‘ e, em 1978, ‘Farol da Barra’, título de uma canção de Galvão y Caetano Veloso que a jovem Alexia Bomtempo incluiu recentemente no seu primeiro disco (‘Astrolábio’, produzido por Dadi).
Ouvimos a seguir Doces Cariocas (Pierre Aderne, Alexia Bomtempo, Marcelo Costa Santos, Domenico, Alvinho, Simoninha, Luis Carlinhos, Rogê, Silvia Machete, Ingrid Vieira, Felipe Pinaud, Dadi, Mauro Refosco, Rafa Nunes, Lancaster, Pretinho da Serrinha), e finalmente recordamos a acidentada e bem sucedida tournée de 1976 de Os Doces Bárbaros (Caetano Veloso, Gal Costa, Gilberto Gil e Maria Bethânia).

>> Links para subscrever-se ao programa
>> blog

imagem: Cuando los elefantes sueñan con la música

“Direitos de tradução vendidos para língua inglesa (Springer Verlag), Itália e Brasil”, diz a Gradiva, na capa do livro A Matemática das Coisas, de Nuno Crato.

Quer seja em português, na “tradução brasileira”, ou “em Acordo Ortográfico”, vale sempre a pena ler este e qualquer outro texto do Nuno Crato.

Na Galiza há dois projetos linguísticos de normalização (transformação de uma língua em veículo “normal” de comunicação numa comunidade linguística) e de normativização (construção de um padrão culto):

– o autonomista (ou isolacionista), que defende a consolidação do que hoje poderíamos muito bem chamar de galego-castelhano.

– o reintegracionista (ou lusista) que defende uma norma para o galego que poderíamos chamar de galego-portuguesa ou, simplesmente, português da Galiza.

Na minha opinião, não deve faltar muito tempo para que alguns dos que, desde os anos 80, defenderam a opção ortográfica castelhanizante, reconheçam que contribuiram, em parte, para o desaparecimento da língua galega como veículo de comunicação quotidiana (evidentemente, não me estou a referir àqueles que, dentro das instituições públicas, pura e simplesmente, “vivem disso”).

Num futuro não muito longínquo, restará, e ainda bem (ou “menos mal”, diriam em galego-castelhano) uma elite que produzirá em português (ou, se quiserem, em galego-português) e uma outra que produzirá em castelhano.

A língua da rua será, já é, o castelhano.

Mural, já recolhido neste blogue, ao pé da Faculdade de Filologia da Universidade de Santiago de Compostela em homenagem ao Professor Ricardo Carvalho Calero. Via: Portal Galego da Língua > Gentalha do Pichel realiza mural em homenagem a Carvalho Calero

Páginas de interesse:

Língua galega, na Wikipédia portuguesa.

Lingua galega, na Wikipedia galega.

Já me  tenho referido ao projeto Distributed Proofreaders e ao Projeto Gutenberg (vd. infra uma lista das entradas neste blog).

Em Distributed Proofreaders digitalizam-se livros em domínio público, revisando e formatando textos em OCR a partir das imagens do mesmo. Atualmente é a maior fonte de livros electrónicos do Projeto Gutenberg

Em Página a Página, sítio de apoio aos voluntários do Distributed Proofreaders em língua portuguesa explicam como se pode ajudar.

Também pode ver um vídeo de demonstração (de Alberto Simões) sobre o funcionamento do DP (em Vimeo).

Cada livro passa por 5 rondas (3 de revisão e 2 de formatação).

Recolho a seguir a lista dos projetos abertos para a 1ª ronda de revisão em português:

Projects Currently Available

The page-texts are the output from OCR software and need to have the text carefully compared to the image.

// Title Author Language Genre
A Reforma Lindsay, Thomas M. Portuguese History
Germinal Zola, Émile (trad. de Eduardo de Barros Lobo) Portuguese Other
Historia geral da invasão dos francezes em Portugal e da restauração deste reino (Volume II) José Acúrsio das Neves Portuguese History

É fácil participar: só tem que inscrever-se no sítio do Distributed Proofreaders.

______________

Lista das entradas neste blog sobre Distributed Proofreaders e o Projeto Gutenberg :
O projecto LibriVox

e-books

Open Library

Dicionário Aberto

Digitalização de livros no domínio público

O Dicionário Aberto e o projecto Distributed Proofreaders

As Línguas no Projecto Gutenberg

Dicionário Aberto: Completo!!

Campanha Out

14 Maio 2010

Já agora,

eu

Wikipédia > Campanha Out

Nasce a loja on-line Imperdível, especializada na distribuição (especialmente na Galiza) de produtos relacionados com a lusofonia.

%d bloggers like this: