A Associação Portuguesa de Escritores atribuiu o Prémio Vida Literária APE/CGD ao Professor Vítor Aguiar e Silva, docente nas Universidades de Coimbra e do Minho.

A APE decidiu distinguir o professor universitário «pelo seu percurso raro e invulgar tanto como docente em Braga e Coimbra», como pela sua obra editada, de que destaca «Teoria da literatura» e «Camões: Labrintos e fascínios» (fonte: Diário Digital).

Em 2002, a Universidade de Évora atribuiu-lhe o “Prémio Vergílio Ferreira” e em 2004, a sua obra Camões: Labirintos e Fascínios foi premiada pela Associação Portuguesa de Escritores na categoria de Ensaio e pela Associação Portuguesa de Críticos Literários.

Como já tive ocasião de dizer noutra altura (“Dicionários codificadores “ e “Aulas magistrais” ou “ensino centrado no aluno”?), as aulas do Professor Aguiar e Silva eram especiais. E não apenas pelos seus conteúdos, mas também pela sua capacidade de prender a atenção dos que estávamos na sala.

Parabéns, Professor!

Anúncios
%d bloggers like this: